quarta-feira, 5 de março de 2008

Lá minuta


Bragança, 2008

Mas parece noutro tempo...
Em que o "caixote" registava olhares repetidos e cansados...
Sobre breves entusiasmos de pose!

E o pequeno rectângulo de papel...
Seguia, religiosamente guardado, para recordação individual do momento.

Ou então...
Moraria ternamente, em moldura prateada, no balcão da cristaleira!

2 comentários:

Anónimo disse...

Interessante composicao,Jota..

Mostra...relembra... prende!...
:)
catarina

Daniela disse...

elementos de Matemática:
rectângulo
cubo