segunda-feira, 21 de abril de 2008

Teias


Porto (Boavista), 2008
As teias que a vida tece...
Também as tece em torno de memórias!
A elas, reservam o acesso! Às vezes...
E outras ... a elas conduzem pelos caminhos das suas malhas!
E sobre cada memória se constroem novas ... como teias!

1 comentário:

MariaPortela disse...

Não tendo “problemas” com aranhas, tenho com teias. Foto e texto lindos!